log in

Notícias

SIGA-NOS, Saiba tudo que acontece no Moto 1000 GP.

Brasileiro de Motovelocidade entra em sua fase final com a realização da sexta e antepenúltima etapa, neste domingo, em Goiânia

Destaque Brasileiro de Motovelocidade entra em sua fase final com a realização  da sexta e antepenúltima etapa, neste domingo, em Goiânia

Neste fim de semana, o Moto 1000 GP, Campeonato Brasileiro de Motovelocidade entra na sua fase final da temporada 2015 com a realização das provas da quinta etapa da temporada 2015 do Moto 1000 GP, o Brasileiro de Motovelocidade, no Autódromo Internacional de Curitiba (PR). A programação que teve início ontem, sexta-feira, (dia 25), com sessões de treinos livres, prossegue neste sábado. Às 11 horas, acontecem os treinos classificatórios para a formação do grid de largada e domingo, a primeira prova está marcada para as 10h10m. 

É a segunda vez neste ano que Goiânia recebe uma etapa do Moto 1000 GP. A terceira etapa do campeonato também foi lá, onde os pilotos encontram um circuito  com um traçado de extrema segurança e com o desenho considerado por pilotos e chefes de equipes como sendo um dos mais perfeitos no Brasil para a prática do esporte motor. 

Os quatro pilotos da Equipe Center Moto, única carioca na competição, Alex Pires, Pedro Lins, Miguel Praia e Thiago Fonseca, estão em busca de vitória para subirem na classificação geral da competição. Terceiro colocado na classificação geral da categoria GP 1000, com 73 pontos, o português Miguel Praia busca a vitória para se manter entre os três primeiros colocados. 

- Regresso a Goiânia com boas expectativas após um bom teste em Campo Grande, onde testamos diferentes configurações. A moto vai ter uma evolução da eletrônica, que espero melhorar meu resultado, pois essa parte tem apresentado dificuldades. Goiânia é uma pista de alta velocidade e que não favorece a minha Honda CBR 1000 SP, mas vou trabalhar possa fazer a diferença na parte mais técnica do circuito. A previsão do tempo indica que estará muito quente e seco durante o final de semana, o que merece a preocupação no trabalho físico -– declarou Praia.

O carioca Pedro Lins, 11º colocado na classificação geral da categoria GP Light com 27 pontos,  está muito confiante na volta a Goiânia. 

- A expectativa de voltar a Goiânia é muito grande pra mim. Foi lá, na terceira etapa do campeonato, que tive meu melhor desempenho nos treinos classificatórios, largando na terceira posição. A queda na corrida foi uma infelicidade e escondeu o desempenho de todo fim de semana. Desta vez, consegui treinar antes e a moto leva algumas novidades em termos de eletrônica. Acredito em boas notícias para este segundo desafio na capital de Goiás – afirmou Pedro. 

Quarto colocado na classificação geral da categoria GP 600 com 55 pontos, o piloto Alex Pires também quer subir no pódio como fez em Cascavel, na segunda etapa da temporada 2015. 

- Chegamos na reta final do campeonato, faltam apenas três etapas, e estaremos de volta a Goiânia, uma pista bem rápida, mas muito segura, pois possui muita área de escape. Estou bastante confiante, porque pude treinar no final de semana passado com nossa equipe, no Autódromo de Campo Grande (MS). Acredito que nosso maior adversário vai ser o calor e a pouca umidade do ar. Com certeza teremos que procurar soluções para que a moto não esquente muito  durante a prova e ter uma boa estratégia para poupar os pneus para atacar no final e chegar na frente – completou Alex.  

Petrobras
Lubrax
Michelin
Beta
Servitec
Leo Vince
Shoei
Tutto
Puig
Top Line

Log in or crie uma conta