log in

Notícias

SIGA-NOS, Saiba tudo que acontece no Moto 1000 GP.

GPR 250: David larga da pole para decisão do título brasileiro

Rafael Traldi, Brian David e Meikon Kawakami, os pilotos que vão ocupar a primeira fila do grid do GP Lubrax William Inácio Rafael Traldi, Brian David e Meikon Kawakami, os pilotos que vão ocupar a primeira fila do grid do GP Lubrax

Piloto goiano da Estrella Galicia 0,0 by Alex Barros vai comandar o grid do GP Lubrax neste domingo no autódromo de Curitiba

Com uma volta completada depois da bandeirada final do Q2, fase final do treino classificatório disputado neste sábado (28), Brian David conquistou a pole position da categoria GPR 250 para o GP Lubrax, oitava e última etapa do Moto 1000 GP na temporada de 2015. Disputando o título brasileiro, o goiano da Estrella Galicia 0,0 by Alex Barros vai comandar o grid para a corrida deste domingo (29) no Autódromo Internacional de Curitiba.

Foi a quinta pole position de David na temporada de 2015. Com o ponto de bonificação pela conquista ele chega a 140 pontos e fica a quatro do líder Ton Kawakami, piloto da Playstation-PRT, que vai largar em quarto. A projeção do descarte obrigatório de um resultado por piloto, contudo, eleva o goiano à liderança do campeonato sete pontos à frente do adversário paulista e o deixa a um segundo lugar de ser campeão brasileiro.

A primeira fila do grid do GP Lubrax terá pilotos de três equipes distintas. Rafael Traldi, da Motonil Motors-PDV Brasil/Usatec BSB Team, manteve-se em primeiro até o término do Q2. Tinha nove milésimos de segundo de vantagem sobre David, que na volta decisiva conseguiu 0s404 de margem. O terceiro no grid é o também paulista Meikon Kawakami, irmão e companheiro de equipe de Ton, que soma um vice-campeonato e um título na GPR 250.

Além da disputa pelo título brasileiro entre Ton Kawakami e Brian David, o GP Lubrax vai apontar o terceiro colocado na classificação final da GPR 250. Três pilotos da Estrella Galicia 0,0 by Alex Barros concorrem a esta posição: o paulista Guilherme Brito, que está em terceiro com 92 pontos, o cearense José Duarte, quarto com 81, e o também paulista Diogo Moreira, quinto com 67. Eles vão largar em sétimo, quinto e sexto lugar, respectivamente.

A corrida decisiva da categoria GPR 250 vai abrir a programação do GP Lubrax neste domingo, com largada às 10h50 para 12 voltas de prova. O canal do Moto 1000 GP no YouTube, indicado na home do site moto1000gp.com.br, transmitirá a corrida ao vivo. A etapa será transmitida pelos canais Bandsports e Esporte Interativo e pelo portal Terra a partir das 13 horas, com a íntegra das categorias GP Light e GP 1000 e VTs compactos da GPR 250 e da GP 600.

GP LUBRAX – CATEGORIA GPR 250 – GRID DE LARGADA

(Resultado dos treinos classificatórios deste sábado em Curitiba)

Q2

1º) Brian David (GO/Honda), Estrella Galicia 0, 0 by Alex Barros, 1min42s701

2º) Rafael Traldi (SP/Honda), Motonil Motors-PDV Brasil/Usatec BSB Team, 1min43s105

3º) Meikon Kawakami (SP/Honda), Playstation-PRT, 1min43s392

4º) Ton Kawakami (SP/Honda), Playstation-PRT, 1min43s483

5º) José Duarte (CE/Honda), Estrella Galicia 0, 0 by Alex Barros, 1min43s725

6º) Diogo Moreira (SP/Honda), Estrella Galicia 0, 0 by Alex Barros, 1min43s772

7º) Guilherme Brito (SP/Honda), Estrella Galicia 0, 0 by Alex Barros, 1min43s923

8º) Hebert Pereira (RS/Kawasaki), Motonil Motors-PDV Brasil/Usatec BSB Team, 1min45s825

Q1

9º) Felipe Gonçalves (PR/Honda), Paulinho Superbikes, 1min47s190

10º) Giovandro Tonini (RS/Honda), Santin Racing, 1min48s345

11º) Fabrício Corrêa (RS/Honda), Carlos Barcelos, 1min55s791

12º) Felipe Schumacher (RS/Honda), Carlos Barcelos, 2min00s692

Média do 1º: 129,522 km/h

GP LUBRAX – A PROGRAMAÇÃO DO MOTO 1000 GP

(As atividades do Campeonato Brasileiro de Motovelocidade)

8h50 – warm up da GPR 250 (10 minutos)

9h10 – warm up da GP 600/GP 600 Evo (10 minutos)

9h30 – warm up da GP Light (10 minutos)

9h50 – warm up da GP 1000/GP1000 Evo (10 minutos)

10h10 – warm up da GP Escola (10 minutos)

10h50 – largada da GPR 250 (12 voltas)

11h50 – largada da GP 600/GP 600 Evo (16 voltas)

13h05 – largada da GP Light (16 voltas)

13h55 – largada da GP 1000/GP 1000 Evo (18 voltas)

14h55 – largada da GP Escola (11 voltas)

As motocicletas do Campeonato Brasileiro de Motovelocidade utilizam a gasolina Petrobras Podium e o lubrificante Lubrax Tecno Moto. A Petrobras e a Lubrax patrocinam a competição ao lado da Michelin, que fornece seus pneus de competição a todas as equipes inscritas. O Moto 1000 GP também conta em 2015 com o apoio de Beta Ferramentas, MSR Macacões Personalizados, Puig, Servitec, LeoVince, Shoei e Tutto Moto.

Petrobras
Lubrax
Michelin
Beta
Servitec
Leo Vince
Shoei
Tutto
Puig
Top Line

Log in or crie uma conta